A mística e o som

16/07/2012 11:50

De onde vem a mística da Harley? Pense no cigarro Marlboro. É simplesmente um pedaço de tabaco enrolado em papel. Há centenas de outras marcas de cigarros que são praticamente idênticos, mas a marca Marlboro tem mística. Parte dela vem da publicidade da imagem, mas a outra parte é cultural. Pessoas que fumam Marlboro tendem a ser um certo tipo diferente de gente. Como fazem publicidade e reforçam a imagem da marca do cigarro, eles por sua vez atraem mais consumidores e assim por diante.

No caso das Harley-Davidson, embora haja algum investimento em publicidade, a maior parte da imagem da marca resulta de outros meios:

  • o uso das Harley no cinema e na televisão;
  • as enormes reuniões de Harley que podem atrair mais de 100 mil motociclistas;
  • as pessoas que andam de Harley e a imagem que projetam em público.

Esses elementos, junto com alguns outros, criam um tipo de promoção com grande repercussão que é extremamente raro, mas fascinante quando acontece. Tudo isso leva à mística da Harley. Agora vamos discutir algo mais que repercute - o som revelador da Harley.

Não há como negar que a motocicleta Harley-Davidson tem um som único, especialmente se os silenciosos forem removidos. O som é parte da mística. A razão para o som tem a ver com a maneira como o motor é projetado.

 

the 2002 Ultra Classic Electra Glide
Foto Cortesia da Harley-Davidson Motor Company
Favoravelmente adaptada e pronta para a estrada, a Ultra Classic Electra Glide 2002 é equipada com o Motor Twin Cam 88, suspensão de passeio traseira a ar ajustável e freios a disco triplos

Quando seu cortador de grama está em marcha-lenta, você pode ouvir o som pop-pop-pop-pop, que na verdade é o som dos gases comprimidos no cilindro escapando quando a válvula de escapamento se abre. Cada pop é o som resultante da válvula de escapamento se abrindo uma vez - e isso acontece a cada segundo giro do virabrequim.

Em um motor de dois cilindros horizontalmente opostos, os pistões são sincronizados de forma que um dispara em uma volta do virabrequim e outro dispara na seguinte - então um dos pistões dispara a cada volta do virabrequim. Isso parece lógico e confere ao motor uma sensação de equilíbrio. Para criar este tipo de motor, o virabrequim tem dois colos separados para as bielas. Os colos são separados um do outro por 180º.

O motor de uma Harley tem dois pistões. A diferença no motor da Harley é que o virabrequim tem apenas um moente de biela, e ambas se conectam a ele. Este desenho, combinado com o arranjo em "V" dos cilindros, significa que os pistões não podem disparar em intervalos regulares. Em vez de um pistão disparar a cada 360º, um motor de Harley funciona assim:

  • um pistão dispara
  • o pistão seguinte dispara a 315º                              
  • há um intervalo de 405º
  • um pistão dispara
  • o pistão seguinte dispara a 315º
  • há um intervalo de 405º

E o ciclo continua.

Quando em marcha-lenta, você pode ouvir o som pop-pop seguido de uma pausa. Então, o som de uma Harley é pop-pop...pop-pop...pop-pop. Esse é o som único de uma motocicleta Harley-Davidson.

Este "barulho" caracteristico de uma Harley é patentiado!

[Matéria original = www.hsw.com]

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!